Valoração econômica da bacia do Rio Bagagem, Iraí de Minas (MG)

Autores

  • Aracy Araújo Universidade Federal de Uberlândia
  • Ferreira Universidade Federal de Uberlândia
  • Alves Secretaria de Estado de Educação do Mato Grosso
  • Silva Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.4322/2359-6643.10170

Resumo

O artigo tem por objetivo mensurar um valor econômico do Rio Bagagem, no município de Iraí de Minas – MG, através do cálculo da Disposição a Pagar – DAP dos munícipes urbanos de Iraí de Minas. Foram realizadas 198 entrevistas residenciais, georreferenciadas na zona urbana de Iraí de Minas/MG, sendo os dados tratados com estatística descritiva e aplicação de um modelo logit. Os resultados apontaram que os entrevistados estavam dispostos a pagar para melhorar a qualidade do rio, tendo sido estimado um valor médio mensal da DAP de R$ 21,98 por habitante. O modelo logit mostrou que a DAP está diretamente relacionada com a renda familiar e com a consciência ambiental e inversamente proporcional à idade dos entrevistados e à distância da residência até o Rio Bagagem.  

Biografia do Autor

Ferreira, Universidade Federal de Uberlândia

Biólogo,  Mestre em Qualidade ambiental pela Universidade Federal de Uberlândia - UFU. 

Alves, Secretaria de Estado de Educação do Mato Grosso

Mestre em Meio Ambiente e Qualidade Ambiental pelo Instituto de Ciências Agrária da Universidade Federal de Uberlândia (2016). Licenciado em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia (2013). Atualmente professor efetivo da rede estadual de ensino do estado do Mato Grosso.

Silva, Universidade Federal de Uberlândia

Graduado em Engenharia de Agrimensura (UFV); Mestre e Doutor em Ciências Geodésicas (UFPR). Professor da Universidade Federal de Uberlândia - UFU atuando na graduação e nos programas de pós-graduação em Qualidade Ambiental e Geografia.

Downloads

Publicado

2020-12-10

Edição

Seção

Artigo Original